11.8.08

Fogo

Há no mundo quem diga que a nossa vida é como uma casa em chamas.
Tudo sendo vagamente consumido pelo fogo. O lento ágil fogo subindo pelas paredes, queimando todo os móveis, qualquer tipo de lembrança, qualquer minucia interior.
E não há nada que possamos fazer, além de observar de perto tudo virar cinzas; pela janela, esperando tudo se acabar.
Texto por Beatriz Obici
(caneta+photoshop)
Postar um comentário