28.6.08

Salto


Um salto para o mar
um salto para o céu
um salto para o chão
uma brincadeira nova
meu sonho interrompido em seu
ventre
perdoe-me pelas disavenças ou
por ter participado em vida de sua companhia
talvez não durasse muito
talvez me perdido pouco
é um sonho louco
e uma queda livre no seu corpo
um salto para o fim
(caneta esferografica)
Postar um comentário